Colonos FATURAM com lotes a venda

Com o salário médio em Israel em torno de 10 mil shekalim, valor desafiado por varios , e os imóveis mais caros do mundo – Tel Aviv presentemente ocupa o nono lugar não é difícil descobrir aonde se esta ganhando dinheiro. Um 4 quartos e sala em Jerusalem custa em torno de 600 mil dólares.

Por causa desse custo e outros motivos, muitos optam por assentamentos, onde ainda é possível obter imóveis a preços mais razoáveis. Esses Ishuvim são localizados em lugares remotos, em geral na periferia de grandes cidades.

De vez em quando, eles “decidem” ou são autorizados a se expandir, e como consequencia, terrenos são vendidos. Acontece em quase todo lugar.  A direção do assentamento tem influência no tamanho e  preço. Não espere ver anuncio desses lotes no facebook.

Mirabolantemente, em todos os lados do pais, esses lotes esgotam em torno de dias, com a totalidade sendo vendida aos habitantes do próprio assentamento, que  constroem mais uma casa, ou instalam uma casa pré fabricada (caravan) que custa em torno de 5 mil dólares, e pode ser instalada em uma semana.

Nem tudo é perfeito. Para conecetar a casa no sistema de esgoto, a taxa imposta é de 50 mil shekalim, e por enquanto não tem como escapar.

Uma história cômica num assentamento perto de Nokdim, a cia elétrica se recusou a conectar a casa a rede, e sem alternativa o colono instalou painéis solares, que foi a última conta de luz que pagou na vida. A cia elétrica saiu perdendo.

Viver em assentamento tem um tremendo custo, entre isolamento, educação, e principalmente transporte. Além do mais, se o Israelense não construir, alguem vai. Os colonos merecem.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *