Governo esta mandando olim direto para o NEGEV

É bem comum escutar histórias pessoais de novos imigrantes, que pediram o centro de absorção num lugar mas receberam outro…. aliás, parece até a norma.

Dos 6.917 imigrantes do ano passado, cerca de um quarto do número total e mais de 2.000 a mais do que em 2016, se estabeleceram nas regiões de Negev e Galileia, ambas regiões nas quais o ministério tem se concentrado em trazer imigrantes.

É verdade que a atividade econômica nessas áreas ainda não se compara com Tel Aviv, Jerusalem, e areas no centro do país, mas apresentam excelentes alternativas para moradia a um preço mais acessível.

fonte: https://www.jpost.com/Israel-News/The-current-state-of-aliyah-Theres-good-news-and-bad-news-561451

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *