A fraqueza de Satã

O rav Israel Meir ha Kohen, o chafetz chaim escreve no seu livro shmirat ha lashon, capitulo 2, que existem dois lugares, um em cima outro embaixo, que nós estamos embaixo e Satã em cima.

A ocupação do Satã é acusar – Satan e Leastin (acusar) em hebraico tem a mesma raiz.

Aliás o nome Satan aparece varias vezes na Bíblia, sendo a primeira vez no livro de Job – se trata de um anjo e ele foi criado por D~s.

Até aí é possível que você já sabia.

Adiciona o rav Israel Meir – que quando o anjo foi criado, Ashem instalou nele uma limitação (a palavra usada é cunhou) – Ele só pode acusar quando existem acusações aqui embaixo. Tanto grupos como indivíduos.

Ele vai mais alem. Ele adiciona que Ashem – ciente de tudo que se passa, muitas vezes prefere não intervir, mas quando existem acusação em cima ele não tem muita opção e intervem.

Frases de fofoca, ficar falando mal dos outros, nas costas e na frente, habilitam a Satã a agir, e do contrário, mesmo se nós cometemos crimes e transgressões, é possível permancer impune até certo tempo, ou até se livrar das consquências, se sabemos ficar calados com respeito a vida alheia.

Se trata de uma técnica relativamente simples para ter muito sucesso.

fonte: Shmirat ha Lashon Cap 2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *