Dos que fazem alyah, quantos ficam?

Em 2017 cerca de 27 mil pessoas fizeram imigraram para Israel,  dos seguintes países.

  • Rússia (27%)
  • Ucrânia (25%)
  • França (13%)
  • Estados Unidos (10%)
  • Brasil (2%)

A maioria dos imigrantes – 20.200 pessoas, ou 75 por cento de todos os imigrantes – vieram da Europa.

Em torno de 700 pessoas vieram do Brasil, incluindo crianças.

Citando dificuldades em se adaptar, a média geral é que em torno 40% tenta ou quer voltar, mas o Brasileiro muito menos.

A sorte do oleh Brasileiro é que uma competição entre o Brasil e Israel como país chega a ser até hilária, em termos de educação, saúde e segurança, e mais ainda se se tratar de um judeu religioso.

Tambem existem varias comunidades Brasileiras em Israel que dão um formidável apoio para quem esta começando a vida aqui, como Bynian Olam, Shaarei Bina, Yeshivat ha Kotel, Kfar Chabad, a comunidade de Raanana e organazações como Nefesh b Nefesh, KeepOlim e a Voleh facilitando a integração do Brasileiro em Israel.

Existe ajuda, existe suporte e portanto os que vão embora, são bem menos que outros países.

O talmud (Brachot 5) guarante:

תניא רבי שמעון בן יוחאי אומר: שלש מתנות טובות נתן הקדוש ברוך הוא לישראל, וכולן לא נתנן אלא על ידי יסורין; אלו הן: תורה, וארץ ישראל, והעולם הבא:

Existem 3 items que só são possíveis de conseguir com sofrimento: Torah, Terra de Israel, e Olam ha Ba (mundo vindouro)

Seja como for, quem quizer vir, se prepare para uma grande aventura.

fontes: http://www.jpost.com/Diaspora/Four-out-of-10-new-immigrants-to-Israel-consider-returning-to-country-of-origin-391751

http://www.jpost.com/Israel-News/Jewish-Agency-notes-spike-in-aliya-from-Brazil-473082

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *