Hackers atacam escolas para mostrar video de recrutamento do ISIS

Os hackers temporariamente redirecionaram pessoas a procura de centenas de páginas da escolares  em todo os EUA para um vídeo em apoio ao grupo do Estado islâmico.

O FBI está tentando determinar quem estava por trás do hack, que seqüestrou os sites escolares em Tucson, Arizona; Newtown, Connecticut; Condado de Gloucester, Virgínia; e Bloomfield, Nova Jersey.

O distrito escolar Bloomfield disse que seu site exibiu o vídeo IS por cerca de duas horas segunda-feira antes de ser retirado.

SchoolDesk, a empresa com sede em Atlanta que mantém o site, disse em uma declaração que os técnicos descobriram que um pequeno arquivo foi injetado na raiz de um de seus sites. Isso redirecionou aproximadamente 800 páginas da escola e do distrito para um vídeo do YouTube contendo uma mensagem árabe audível, escrita desconhecida e uma foto de Saddam Hussein.

“Parecia que era algum tipo de vídeo de recrutamento ou suporte de ISIS”, disse o fundador da SchoolDesk, Rob Freierson, à NJ.com.

A declaração da SchoolDesk diz que o ataque  também afetou outras organizações, incluindo sites privados e governamentais. A empresa adicionou mais proteções e exige que os usuários de seus sites reajustem suas senhas.

O distrito de Bloomfield disse que nenhuma informação confidencial de estudantes ou professores estava comprometida.

SchoolDesk disse que estava trabalhando com várias agências de investigação para rastrear a fonte do hack.

fonte:https://www.theyeshivaworld.com/news/headlines-breaking-stories/1397732/school-websites-hacked-show-pro-islamic-state-message.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *